Nota Paraná devolve quase R$ 20 milhões ao contribuinte neste mês

12/05/2020

Nota Paraná devolve quase R$ 20 milhões ao contribuinte neste mês

Apesar da suspensão dos sorteios do programa Nota Paraná, continua em funcionamento normal a devolução de parte do ICMS pago pelo contribuinte que pede CPF na nota fiscal de suas compras em qualquer estabelecimento comercial do Paraná. Apenas neste mês, foram colocados à disposição dos consumidores R$ 19,9 milhões. 

A esses recursos têm direito quase 5,6 milhões de pessoas; parte do dinheiro, R$ 2,1 milhões, se destina a 1.301 entidades sem fins lucrativos. 

Neste mês de abril entram na contabilidade do Nota Paraná as notas das compras feitas em janeiro. Apesar de ser um mês de férias, logo depois do Natal, quando as compras costumam diminuir, no mês de janeiro deste ano o valor obtido pelas entidades foi bastante significativo. 

MENOR PREÇO – “É importante lembrar que as notas em que foi colocado o CPF servem para atualizar o aplicativo Menor Preço Nota Paraná, que mostra onde os produtos são comercializados pelo menor preço”, lembra a coordenadora do programa no Estado, a auditora fiscal Marta Gambini. 

Outro ponto importante a lembrar ao consumidor é que ele peça para anotar o CPF também nas notas fiscais dos pedidos de entrega de refeições, o que aumentou muito neste período de isolamento social. “As pessoas costumam esquecer de pedir o CPF nos pedidos feitos pelo telefone”, observa a coordenadora, com base na avaliação dos documentos que estão chegando ao programa.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.